Contatos

Acesso Rápido

O que você precisa?

Telefones Úteis

Redes Sociais

BLOG Twitter
Home Noticias Lista de notícias Ematerce: Programa de Distribuição de Mudas de Cajueiro-Anão Precoce
voltar imprimir
Aumentar texto Diminuir texto
 
Ematerce: Programa de Distribuição de Mudas de Cajueiro-Anão Precoce
Seg, 26 de Março de 2018 00:00

O assessor estadual da Ematerce, Eng.º Agrº Egberto Targino Bomfim, informou ao assessor de comunicação da empresa, jornalista Antonio José de Oliveira, que o Programa de Distribuição de Cajueiro-Anão Precoce é um programa coordenado pela Secretaria do Desenvolvimento Agrário do Ceará (SDA)e executado pela Ematerce. Iniciado, em de 2007, até o corrente ano (2018), distribuiu 6.047.849 mudas, abrangendo uma área de 29.683 hectares e beneficiando um total de 15.082 produtores, prioritariamente, familiares e portadores de DAP (Declaração de Aptidão do Produtor).

 

 alt

Ressaltou Targino que a SDA tem desenvolvido também um trabalho de parceria com a Federação da Agricultura do Estado do Ceará (Faec), atendendo as demandas dos médios produtores de caju. Em 2018, a SDA e a Ematerce estão concluindo a distribuição de 380.000 mudas de cajueiro-anão precoce, com atendimento a boa parte demandada pelos produtores dos diversos municípios, que exploram a cultura do caju. Acrescentou o técnico da Ematerce as mudas são produzidas por 15 produtores, credenciados no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e são todos cadastrados e acompanhados pela SDA eEmaterce. Vale salientar que se trata de mudas produzidas, obedecendo aos padrões de uma boa muda: altura de enxertia entre 5 e 8 cm; boa cicatrização entre as partes enxertadas;caule com 15 cm de altura e seis folhas bem formadas; ter, no máximo, 180 dias contados a partir da semeadura das castanhas; livre de pragas e doenças.

 

 alt

Em seguida, Targino afirmou serem as mudas, originadas da pesquisa, são demandadas pelos produtores, nos escritórios da Ematerce e na Faec, no período junho a agosto, e enviadas para a SDA, responsável pelo planejamento da produção junto aos viveiristas. Lembrou que são produzidas, de forma escalonada, de agosto a dezembro, sendo distribuídas de janeiro a março, nas comunidades, conforme o nível de umidade, presente no solo, informado pelos produtores e técnicos.

 

 

Por último, explicou que o produtor rural recebe as mudas e faz o pagamento à SDA, porém no quarto ano, após o plantio. Atualmente, o preço da muda é de R$ 3,00. A orientação da SDA e da Ematerce é que ocorra uma diversificação de clones, por ocasião do plantio das mudas. Para tanto, são trabalhados 8 clones, indicados pela pesquisa: CCP-76, CCP-09, Brs-189, Brs-226, Brs-165, Brs 275, e Embrapa 51.

 

 

================================================

Assessoria de Comunicação Social

Texto: Jornalista Antonio José de Oliveira - Este endereço de e-mail está protegido contra SpamBots. Você precisa ter o JavaScript habilitado para vê-lo.

Foto: Eng.º Agrº Egberto Targino Bomfim

Jornalista Aécio Santiago - Este endereço de e-mail está protegido contra SpamBots. Você precisa ter o JavaScript habilitado para vê-lo.

Jornalista Edilmo Gurgel - Este endereço de e-mail está protegido contra SpamBots. Você precisa ter o JavaScript habilitado para vê-lo.

Fone: (85) 3217.7872

 

 

 

 

 

 

 

 

Última atualização ( Seg, 26 de Março de 2018 09:36 )
 

Serviços

Agenda - Abril 2018

Do Se Te Qu Qu Se Sa
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30 1 2 3 4 5

Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Ceará - Av. Bezerra de Menezes, 1900. - São Gerardo - Fortaleza/CE

Ver no mapa Fone: (85) 3101.2416 - Fax: (85) 3101.2429

Governo do Estado do Ceará. Todos os Direitos Reservados © 2010