Contatos

Acesso Rápido

O que você precisa?

Telefones Úteis

Redes Sociais

BLOG Twitter
Home Noticias Lista de notícias SDA e Ematerce entregam certificados de cadastros de produtores orgânicos, em Palmácia
voltar imprimir
Aumentar texto Diminuir texto
 
SDA e Ematerce entregam certificados de cadastros de produtores orgânicos, em Palmácia
Qua, 09 de Maio de 2018 00:00

alt

46ª Feira de Produtos Orgânicos do município de Palmácia-CE

 

As feiras de agropecuaristas são eventos tradicionais, em muitos municípios do Ceará, facilitando a venda direta de diversos produtos, oriundos do campo, para os consumidores urbanos, melhorando, assim, os lucros dos agricultores familiares e eliminando as ações dos intermediários na comercialização. As feiras objetivam, além de proporcionar o intercâmbio, entre o agricultor e a população urbana, a comercialização de frutas, verduras e pequenos animais, de qualidade, a preços justos.

 

alt

Agricultores  familiares de Palmácia que receberam a Declaração de Cadastro de Produtores

Familiares Orgânico da Organização de Controle Social "Palmácia Saudável"

 

 

Atualmente, a Ematerce está apoiando a iniciativa, em diversos municípios, formando organizações de pequenos produtores, em feiras, com a finalidade de facilitar a negociação dos produtos agropecuários por eles produzidos.

 

No dia 5 de maio último, sábado, a Secretaria do Desenvolvimento Agrário – SDA - a Ematerce – por intermédio do posto avançado de Palmácia e a Secretaria Municipal de Agricultura de Palmácia, entregaram Certificados de Cadastros de Organização de Controle Social- OCS - a oito agricultores familiares, componentes da Organização Social “Palmácia Saudável”.

 

alt

O Secretario do Desenvolvimento Agrário, Francisco Diassis Diniz, entrega à produtora

de polpa de frutas orgânicas, Jaqueline de Paula o Certificado de Produtor Orgânico.

 

O evento foi durante a 46ª edição da feira de produtos agropecuários, no centro de Palmácia, contando com as presenças do Secretário do Desenvolvimento Agrário, Francisco Diassis Diniz, do presidente da Ematerce, Antônio Amorim, do Prefeito de Palmácia, David Campos Martins, do Secretário Municipal de Agricultura, José Ibernon Campos, do Gerente Regional da Ematerce, Olegário Rocha, dos técnicos da Ematerce de Palmácia, Gildo Macedo e Ivan Fonseca. Estiveram presentes os técnicos da Ematerce, Cláudio Matoso, Fernanda Aquino e Sidônio Vieira, da Gerência de Apoio Técnico - Geate.

 

alt

O Presidente da Ematerce,Antônio Amorim fala durante solenidade de entrega das

Declarações de Cadastro de Produtor Familiar Orgânico, em Palmácia.

 

Os Certificados, emitidos pelo Mapa, através da Superintendência Federal de Agricultura, Pecuária e Abastecimento do Ceará, foram recebidos pelos agricultores familiares Adriano Gomes de Oliveira, José Edilson de Freitas e Luciano Vieira da Silva, da comunidade São João, Francisca Jaqueline Paula e Francisca Jaquelane Paula, da comunidade Buenos Aires, Fábia Cordeiro de Castro, da comunidade Cafundó, Francisco Gerardo Martins, da comunidade Araticum e Francisca Elaine de Oliveira, da comunidade Sitio Iara. As Declarações de Cadastros de Produtores Vinculados - OCS, autorizam os produtores a comercializarem produtos orgânicos, não certificados, diretamente ao consumidor.

 

alt

O Prefeito de Palmácia,David Campos e o Secretario da SDA, Diassis Diniz entregam o Certificado

ao Técnico da Ematerce, Gildo Macêdo, representando a OCS "Palmácia Saudável".

 

Os produtos orgânicos, produzidos e comercializados pelos agricultores familiares, são: banana, laranja, chuchu, mamão, fava, macaxeira, milho verde, ovo caipira, galinha caipira, maracujá, cajá, acerola, feijão, tomate, pimentão, cana-de-açúcar e polpas de frutas ( maracajá, tamarindo e cajá). Para que os produtos sejam considerados orgânicos, alguns procedimentos básicos deverão ser obedecidos pelos agricultores, como: utilizar sementes que não sejam transgênicas; usar somente adubações orgânicas e biofertilizantes e usar, no combate às pragas e doenças, inseticidas naturais, excluindo, por completo, o uso de agrotóxicos. Conforme informação das produtoras de polpas de frutas, Jaqueline e Jaquelane de Paula, o cajá e o tamarindo, usados no fabrico das polpas, são provenientes de plantações nativas, portanto, totalmente isentos de agrotóxicos.

 

Durante a solenidade de entrega das Declarações, o secretário da SDA, Diassis Diniz, falou sobre a importância da adoção das práticas orgânicas nos cultivos de frutas e hortaliças e colocou a SDA à disposição dos agricultores, objetivando aumentarem a quantidade e a variedade de produtos orgânicos, disponibilizados para a população de Palmácia. O presidente da Ematerce, Antônio Amorim, evidenciou a importância da produção de orgânicos, oferecendo à população local produtos de qualidade e livre de agrotóxicos. Antônio Amorim, como todos que usaram a palavra, falaram sobre a ação da Ematerce, lembrandoo grande trabalho, desenvolvido, com os agricultores familiares, na adoção da Agricultura Orgânica,realizado pela Engenheira Agrônoma da Ematerce, Maria Cristina Pontes Vieira, recentemente falecida. Encerrando a solenidade, discursou o prefeito de Palmácia, David Campos, elogiando a integração da Secretaria Municipal de Agricultura e o posto avançado da Ematerce, no município, que tem como responsáveis os técnicos Gildo Macedo e Ivan Fonseca.

 

 

IMPORTÂNCIADOS ORGÂNICOS

Engenheiro Agrônomo da Ematerce

Sidônio Vieira

 

Um dos principais pilares de uma vida saudável é a alimentação saudável. Até bem pouco tempo atrás, saúde era conceituada como “ausência de doença”. Hoje, sabemos que esse conceito está ultrapassado e que ter saúde vai muito além de não estar doente.

 

De todos os setores da Economia, a Agricultura é a que tem maior relação com o meio ambiente e muito se escreve e publica sobre a necessidade de se desenvolver um modelo de Agricultura sustentável, seja orgânico ou agroecológico que adote práticas ambientalmente menos agressivas, todavia tais modelos, na prática, têm muitas distinções conceituais.

 

Dentre outros aspectos, a Agricultura Orgânica busca sistematizar os manejos, nos sistemas agrícolas, que promovam o desenvolvimento de produtos de qualidade, livres das contaminações de agrotóxicos, dentro dos padrões de segurança alimentar.

 

Dentro da Legislação Brasileira a certificação dos produtos orgânicos pode ser de duas maneiras, ou seja, Certificação por Auditoria ou Certificação por Participação.

 

A Certificação por Auditoria, ocorre, através de uma contratação de uma empresa certificadora, devidamente credenciada pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento- MAPA, sendo que os custos financeiros dessa certificação exigem dos agricultores, em especial os agricultores familiares, uma quantia muitas vezes inviável para certificação dos seus produtos.

 

A Certificação por Participação ocorre através da organização dos agricultores familiares, de forma organizada, cujo registro é feito diretamente no Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento- MAPA. Existem duas formas de Certificação Participativa dos produtos dos agricultores familiares, dentre as quais podemos citar os Organismos de Controle Social - OCS e os Organismos Participativos de Avaliação de Conformidade Orgânica - OPAC’s. É importante frisar que essas duas modalidades possuem características distintas, no que diz respeito à logística de comercialização.

 

A Certificação que ora está sendo entregue a agricultores familiares de Palmácia, é do tipo Organismos de Controle Social - OCS nos quais seus produtos agrícolas poderão ser comercializados, nas feiras livres e para os Programas PAA- Programa de Aquisição de Alimentos e pelo Programa Nacional de Alimentação Escolar - PNAE, dentro do município, sendo que, dentro dessas Politicas Públicas, os agricultores familiares poderão comercializar seus produtos com um acréscimo de até 30%.”

 

Assessoria de Comunicação da Ematerce

 

Jornalista Edilmo Gurgel – Este endereço de e-mail está protegido contra SpamBots. Você precisa ter o JavaScript habilitado para vê-lo.

 

Jornalista Aécio Santiago - Este endereço de e-mail está protegido contra SpamBots. Você precisa ter o JavaScript habilitado para vê-lo.

 

Jornalista Antônio José de Oliveira- Este endereço de e-mail está protegido contra SpamBots. Você precisa ter o JavaScript habilitado para vê-lo.

 

Telefone- (85) 3217 7872

Última atualização ( Qua, 09 de Maio de 2018 10:46 )
 

Serviços

Agenda - Maio 2018

Do Se Te Qu Qu Se Sa
29 30 1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 31 1 2

Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural do Ceará - Av. Bezerra de Menezes, 1900. - São Gerardo - Fortaleza/CE

Ver no mapa Fone: (85) 3101.2416 - Fax: (85) 3101.2429

Governo do Estado do Ceará. Todos os Direitos Reservados © 2010